2 poemas de felicia fuster

segundo lugar em concurso de tradução da unidade de catalão e do translation center da university of massachusetts amherst

QUI GOSA BEURE
Qui gosa beure
l’aigua del pou burxada
De nit la Lluna

AMB TINTA ROJA
Com una ombrel·la
t’obro la meva veu sota dels núvols
i m’empasso la neu per fer-me forta
escric les notes
del vent
i canto amb tinta roja

Publicado por

Maíra Mendes Galvão

maquinista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s