quando homem penetra mulher // anne sexton

Quando homem,
penetra mulher,
como as ondas mordendo a praia,
mais e mais,
e a mulher abre a boca de prazer
e os dentes brilham
como o alfabeto,
surge Logos ordenhando um astro,
e o homem
dentro da mulher
ata um nó
para que ambos
jamais se separem de novo
e a mulher
se mete em uma flor
e engole seu pistilo
e Logos surge
e ejeta seus rios.

Este homem,
esta mulher
com sua dupla fome,
tentaram transpor
a cortina de Deus
e brevemente conseguiram,
embora Deus
em Sua perversidade
desate o nó.

***

When Man Enters Woman

When man,
enters woman,
like the surf biting the shore,
again and again,
and the woman opens her mouth with pleasure
and her teeth gleam
like the alphabet,
Logos appears milking a star,
and the man
inside of woman
ties a knot
so that they will
never again be separate
and the woman
climbs into a flower
and swallows its stem
and Logos appears
and unleashes their rivers.

This man,
this woman
with their double hunger,
have tried to reach through
the curtain of God
and briefly they have,
though God
in His perversity
unties the knot.

Anúncios

Publicado por

Maíra Mendes Galvão

maquinista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s